Topics quentes fechar

Argentino Diego Simeone completa 10 anos no comando do Atlético de Madrid

Nesta quinta-feira, o argentino Diego Simeone completa 10 anos no comando do Atlético de Madrid, marcando um antes e um depois na história do clube espanhol.

Com o time na décima posição na tabela do Campeonato Espanhol e tendo acabado de ser eliminado na Copa do Rei pelo Albacete, da terceira divisão, a equipe procurava um substituto para Gregorio Manzano. O presidente do clube, Enrique Cerezo, e o CEO Miguel Ángel Gil Marín fizeram ligações para o Catania, o único clube europeu que Simeone havia treinado até então, e para o River Plate, o maior clube que ele treinou, para avaliar seu trabalho. Eles decidiram que El Cholo era a pessoa certa, taticamente e emocionalmente, para incendiar o vestiário e mudar o time de patamar.

De décimo ao título

Simeone assumiu uma equipe que estava em 10º lugar na tabela, mas não ficou lá por muito tempo. No final do ano, o comandante conduziu o Atleti ao primeiro de seus oito títulos como técnico ao conquistar a Liga Europa naquela temporada. Não só venceram a final contra o Athletic Bilbao, como triunfaram em todas as oito partidas eliminatórias que disputaram até chegar ao título.

Em seguida, golearam o Chelsea por 4 a 1 na Supercopa Europeia de 2012, com um hat-trick de Falcão García. Naquela temporada, o time ganhou uma Copa do Rei e terminou em terceiro lugar na La Liga, partindo para a primeira de nove participações consecutivas na Liga dos Campeões.

A maior conquista de Simeone foi vencer o Campeonato Espanhol duas vezes como treinador do Atlético de Madrid. O primeiro campeonato aconteceu em 2013/14, quando a equipe da capital teve de ir ao Camp Nou na última rodada para evitar uma derrota, o que aconteceu após o gol de cabeça marcado por Diego Godín, garantindo um empate em 1 a 1 contra o Barcelona. O Atleti de Simeone também terminou em primeiro lugar neste ano, conquistando o título com uma vitória de 2 a 1 contra o Real Valladolid, dando ao clube seu 11º título da liga nacional.

Recordes atrás de recordes

Durante sua trajetória pelos Colchoneros, o argentino quebrou alguns recordes e atingiu vários marcos.

Uma vitória por 2 a 1 sobre o Athletic Bilbao em março de deste ano foi sua 309ª no comando da equipe, o que o fez ultrapassar o lendário Luis Aragonés e se tornar o treinador do Atlético com mais vitórias na história. Com 551 jogos à frente do time, Simeone também está se aproximando do recorde de Aragonés de 612 partidas pelo Atlético de Madrid, podendo alcançar esta marca na próxima temporada.

A nível nacional, Simeone já é o treinador com mais jogos consecutivos em um clube da La Liga, ficando atrás apenas de Miguel Muñoz, que acumula 417 partidas pelo Real Madrid.

Transição na Europa

Além dos troféus e dos recordes, Simeone conseguiu transformar o Atlético de Madrid em um frequente participante da Liga dos Campeões, conquistando quatro títulos europeus sob seu comando, além de duas finais de Champions.

O treinador colocou o Atleti no top 10 do ranking de clubes da Uefa, algo que era impensável quando ele assumiu a posição.

Ele fala abertamente sobre o crescimento do clube e a evolução ano após ano que está acontecendo também fora de campo, principalmente com a mudança do antigo estádio Vicente Calderón para o novo Wanda Metropolitano.

Deixe seu comentário
Notícias semelhantes