Topics quentes fechar

Carlesse publica vídeo de 'Feliz Natal' após semanas evitando notificação sobre processo de impeachment

Governador afastado apenas desejou feliz Natal aos tocantinenses, mas não informou quando vai retornar ao Tocantins. No vídeo, ele parece estar em um shopping center.
Carlesse divulgou um vídeo após mais de dois meses de silêncio nas redes sociais — Foto: Reprodução/Instagram
1 de 1 Carlesse divulgou um vídeo após mais de dois meses de silêncio nas redes sociais — Foto: Reprodução/Instagram

Carlesse divulgou um vídeo após mais de dois meses de silêncio nas redes sociais — Foto: Reprodução/Instagram

O governador afastado do Tocantins Mauro Carlesse (PSL) reapareceu nas redes sociais nesta sexta-feira (23) após mais de dois meses de silêncio. O vídeo tem apenas oito segundos e Carlesse apenas deseja um feliz Natal para os tocantinenses. Ele está em um local público que parece ser um shopping center. Apenas pelas imagens não é possível saber quando o vídeo foi gravado.

"Feliz Natal a todos os tocantinenses. Um beijo no coração de todos vocês. Feliz Natal", diz Carlesse no vídeo.

Há semanas o governador é procurado pela Assembleia Legislativa do Tocantins para receber uma notificação sobre o processo de impeachment aberto contra ele. A falta da notificação travou o andamento dos trabalhos, que não podem evoluir até que Carlesse seja informado oficialmente.

Carlesse ainda não informou quando vai retornar ao Tocantins. A última informação divulgada pelos advogados e pela assessoria de imprensa dele era de que o governador voltaria ao Tocantins assim que recebesse liberação médica. Ele passou por alguns exames no Hospital Sírio Libanês em São Paulo após um mal estar.

Antes da publicação desta sexta, a postagem anterior de Carlesse tinha sido um vídeo de pouco mais de um minuto em que negou as acusações que levaram ao afastamento dele e ao processo de impeachment.

Quais as acusações?

O pedido de impeachment é baseado nos inquéritos que levaram ao afastamento do governador pelo Superior Tribunal de Justiça. Carlesse é considerado suspeito em duas operações da Polícia Federal que ocorreram simultaneamente.

Uma delas é para a apuração de um suposto esquema de propinas relacionado ao plano de saúde dos servidores públicos, na época chamado de PlanSaúde. A segunda operação investiga suposta interferência do governador em investigações da Polícia Civil que poderiam prejudicar aliados e o próprio governo.

No dia em que o processo teve início, a defesa de Carlesse emitiu nota dizendo que a abertura era um ato apressado e impensado.

Notícias semelhantes
  •  
Notícias mais populares dessa semana