Topics quentes fechar

MS passa dos 5,5 mil casos de dengue e confirma 10ª morte causada pela doença

Estado teve 189 confirmações de dengue em 7 dias

Mato Grosso do Sul tem 5.510 casos de dengue desde o início do ano até esta quarta-feira (9). Foram 189 confirmações da doença apenas nesta semana.

Nesta semana, o Estado confirmou a 10ª morte causada pela doença. A vítima era de Aparecida do Taboado, de 33 anos e sem comorbidades relatadas.

Em 20 de fevereiro ela começou a sentir sintomas de dengue e em 3 de março faleceu. A confirmação do óbito foi feita apenas em 2 de junho.

De acordo com o boletim epidemiológico publicado pela SES (Secretaria de Estado de Saúde), o Estado segue como o segundo com maior incidência de dengue do país. São 403,5 casos para cada 100 mil moradores de MS.

Assim, o índice de alta incidência é causado pelas 11.311 notificações de casos suspeitos da doença. No Estado, a cidade com maior frequência de dengue é Figueirão, com 3,4 mil casos a cada 100 mil habitantes do município.

Já de casos confirmados, Três Lagoas segue como a cidade que mais concentra confirmações. São 1.539 pessoas que sofrem da doença no município.

Por fim, com o novo óbito, o Estado contabiliza 10 vítimas fatais da dengue. Sendo que foram duas em janeiro, duas em fevereiro, quatro em março, uma em abril e outra em junho.

Notícias semelhantes
  • Mato Grosso do Sul se destaca no manejo biológico de soja
  • Irmãos de MS representam o Brasil em competição de luta olímpica
  • MS propõe ao Ministério da Saúde, vacinação de grupos por faixa etária
  • MT é um dos quatro estados em que a taxa de desemprego é menor que 10%
  • Pelo 20º dia seguido, média de novos casos de covid cresce em MS
  • Agora os pagamentos de guias do Detran já podem ser pagas via PIX
  • Estudo confirma presença de dinossauros em Mato Grosso do Sul
  • Estudos confirmam presença de Dinossauros no Mato Grosso do Sul
  • Delta Energia busca apoio regulatório da Agepan no projeto de reativação da Usina William Arjona – Portal do Governo de Mato Grosso do Sul
  • Parada há quatro anos, usina termelétrica deve ser reativada em junho na Capital
Notícias mais populares dessa semana